Homem joga carro em cima de família de comerciante após desavença; veja vídeo

0

A Polícia Civil vai investigar o atropelamento proposital de uma mulher de 40 anos após o desentendimento com um cliente do marido dela por causa de uma nota de R$ 20. O crime aconteceu no último fim de semana, no bairro Jardim Industrial, em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte. A vítima permanece internada no hospital por causa dos ferimentos.

De acordo com a Polícia Militar, o marido da vítima tem um estabelecimento comercial e o suspeito, de 49 anos, recebeu R$ 20 do comerciante. A nota tinha uma mancha de tinta e o suspeito ao tentar passar o dinheiro para frente em uma borracharia ouviu do borracheiro que o dinheiro era falso.

Ele se revoltou e retornou ao estabelecimento comercial do marido da vítima já bastante exaltado e reclamando que a nota era falsa. O homem disse que a nota não falsificada, mas que trocaria o dinheiro sem problemas. No entanto, o suspeito não aceitou e deu um soco nas costas do comerciante. Testemunhas relataram aos militares que o suspeito tinha sintomas de embriaguez. 

Depois disso, ele saiu bastante enfurecido, entrou no carro e, em alta velocidade, jogou o veículo em cima de familiares do comerciante, atingindo em cheio a mulher dele. Imagens de câmeras de segurança mostram que várias pessoas são atropeladas e que a mulher é arrastada, por cerca de cinco metros, pelo veículo que em determinado momento não funciona mais.

Os familiares conseguem retirar a mulher de debaixo do carro e socorrê-la. O suspeito conseguiu dar partida novamente no carro e fugiu. Ele já foi identificado e os militares fizeram várias diligências, mas não conseguiram encontrá-lo. 

A vítima precisou ser internada no Hospital Santa Rita, em Contagem, após quebrar a bacia, ter ferimentos nas costas e hemorragia. Ela passou por cirurgia, mas não corre risco de morte. Outras pessoas que estavam no passeio também se feriram, mas de forma mais leve. A ocorrência foi registrada como tentativa de homicídio.

Veja vídeo:

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui