Homem armado mantém como reféns passageiros de ônibus na Ucrânia

0

Um homem armado com explosivos levou cerca de 20 passageiros como reféns em um ônibus, em uma cidade do oeste da Ucrânia – informou a polícia local nesta terça-feira (21).

“Um homem sequestrou um ônibus com cerca de 20 reféns no centro de Lutsk. Ele tem explosivos e armas”, disse o departamento de polícia da região em seu perfil no Facebook.

Um policial disse que foram ouvidos tiros no local, mas que não há informações de feridos até o momento.

O centro de Lutsk, uma cidade de 200.000 habitantes, ficou fechado para circulação, relatou o ministro ucraniano do Interior.

As imagens transmitidas pelas emissoras de televisão locais mostravam um micro-ônibus parado com duas janelas quebradas e as cortinas fechadas. Vários policiais armados foram enviados para o local.

O homem chamou a polícia e se apresentou como Maxime Plojói, disse o vice-ministro do Interior Antón Gerashchenko no Facebook, sem especificar quais eram suas reivindicações ou motivações.

Mais tarde, Gerashchenko disse que o suspeito se chama na verdade Maxime Krivoch, um ucraniano de 44 anos condenado duas vezes por “fraude” e posse ilegal de armas, entre outros. De acordo com o vice-ministro, ele passou dez anos preso na Ucrânia.

“Estamos negociando”, disse Gerashchenko à “AFP” e falou do “estado mental complexo” do homem.

A Ucrânia, uma ex-república soviética, enfrenta a proliferação de armas ilegais, um problema que se intensificou desde 2014 quando teve início uma guerra contra os separatistas pró-russos no leste de seu território.

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui