Mulher tem 90% do corpo queimado após discussão com o companheiro, em BH

0

Uma mulher de 47 anos teve 90% do corpo queimado após uma discussão com o companheiro de 35 anos na manhã dessa quarta-feira (22). O homem nega que tenha ateado fogo na mulher. De acordo com o Boletim de Ocorrência, os dois estão em situação de rua, e moram juntos em uma casa de papelão debaixo do viaduto Murilo Rubião , na avenida Cristiano Machado, no bairro Graça, região Nordeste de Belo Horizonte. 

De acordo com o relato da mulher, o companheiro teria a agredido e ateado fogo porque ela não teria dormido no local que eles costumam dormir todas as noites.  O homem afirmou aos militares que estão juntos há sete anos e que, pela primeira vez, ela passou a noite fora sem dar satisfações. 

O suspeito disse ainda que a mulher relatou ter passado a noite com traficantes e que eles a teriam agredido, inclusive ateando fogo sobre o corpo dela. O homem afirmou que durante a discussão com a mulher chegou a dar “tapas leves” nela, que não a machucaram. 

De acordo com uma testemunha que trabalha em uma estabelecimento comercial próximo ao viaduto onde o casal se abriga, a mulher teria procurado ajuda muito apavorada com a situação. O homem foi preso e a vítima levada para atendimento médico no pronto socorro do Hospital João XXII com ferimento no nariz, nos ouvidos  e queimaduras pelo corpo.

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui