Número de leitos de UTI cresce mais de 80% no Sul de Minas; taxa de ocupação por Covid é de 19%

0
Número de leitos de UTI cresce mais de 80% no Sul de Minas — Foto: Reprodução/EPTV

De março a agosto deste ano, o Sul de Minas saltou de 280 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para 506, um aumento de 80,7%. Segundo o Governo de MG, a taxa de ocupação desses leitos por pacientes de coronavírus é de 19,3%. A região é a segunda em estrutura, perdendo apenas para a metropolitana de Belo Horizonte.

((Correção: O G1 errou ao afirmar, na versão original desta reportagem, que o aumento de leitos de UTI no Sul de Minas era de 43,5%. O aumento correto foi de 80,7%. O número total de leitos, informado inicialmente como 501, é, na verdade, 506. Com isso, os percentual correto de ocupação é 19,3%, e não 19,9%, como dizia o texto ao ser publicado. As informações foram corrigidas às 10h30 desta sexta-feira, 21/08)

Na última sexta feira (14), Boa Esperança recebeu 12 novos leitos de UTI para pacientes com o novo coronavírus. Na cidade, 77 pessoas foram contaminadas pela doença, sendo que sete morreram pela Covid-19.

“A possibilidade de tratar os nossos pacientes críticos, acometidos pela Covid-19, dentro do nosso município, sem a necessidade de transferência que eles vão estar próximos de suas famílias e seus entes queridos. E a possibilidade de recuperação rápida, então, essa UTI, tem que ser comemorada como uma conquista muito grande para nós”, destacou o Secretário Municipal de Saúde de Boa Esperança, André Luiz Costa.

No dia 7 de agosto, o Governador Romeu Zema (Novo) entregou cinco respiradores para o Hospital São Francisco de Assis, em Três Pontas, que atende também cerca de 120 mil pessoas de municípios vizinhos.

Já em Varginha, desde o início da pandemia, em março, houve aumento de mais dez leitos de UTI para o coronavírus e outros 20 de enfermaria no Hospital Regional.

“Estamos trabalhando insistentemente para minimizar o impacto da pandemia em nossa região. Mas é de suma importância a colaboração de todos nas medidas de distanciamento social”, disse a Superintendente Regional de Saúde de Varginha, Regina Paula Ferreira Pinto Siqueira.

No Hospital de Campanha de Varginha estão funcionando oito leitos de UTI e 20 de enfermaria. Há também outros 12 leitos prontos esperando para serem liberados. A prefeitura já abriu edital para contratação de mais profissionais para atuarem nessas novas vagas.

“A partir do momento que a gente tem a ampliação de leitos em cidades, polos de microrregiões que usariam de Varginha, a gente alivia para que não haja um gargalo de ocupação desses leitos”, salientou o Secretário Municipal de Saúde de Varginha, Luiz Carlos Coelho.

Com 453 casos confirmados, sendo 15 óbitos por Covid-19, Três Corações conseguiu mais dez leitos que já estão prontos.

“Esses leitos fazem a diferença para nós aqui, porque a gente está no plano macrorregional. Então, caso os nossos leitos estejam lotados, nós podemos usar o da macro”, pontuou a Secretária Municipal de Saúde de Três Corações, Gilcilene Buzetti Costa Gonçalves.

Dos 506 leitos de UTI no Sul de Minas, 98 estão ocupados com pacientes da Covid-19, 209 estão ocupados com pacientes de outras doenças e 199 estão livres.

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui