Adolescente de 12 anos muda de cidade para fugir de ex-namorado que a engravidou

0
Crime aconteceu em Uberaba, no Triângulo Mineiro

Uma adolescente de 12 anos recém-recuperada de um aborto espontâneo foi obrigada a deixar às pressas a própria cidade, Uberaba, no Triângulo Mineiro, após ser perseguida pelo ex-namorado que não aceita o término do relacionamento. À Polícia Militar (PM), em denúncia feita nessa segunda-feira (26), a garota não soube dizer o endereço onde mora o suspeito ou a idade dele, identificando-o apenas pelo nome por ele usado em perfis nas redes sociais. O ex-namorado será investigado por estupro de vulnerável – conjunção carnal ou ato libidinoso praticado com menor de 14 anos – pela delegacia da cidade em que a menina está morando com o pai.

A irmã da garota, uma adolescente de apenas 18 anos, a acompanhou no registro da ocorrência na tarde dessa segunda-feira. A menina contou à polícia que namorou o suspeito durante algum tempo, e, há dois meses, após sofrer aborto espontâneo de gestação por ele provocada, decidiu pôr fim ao relacionamento. Entretanto, o homem se nega a terminar o namoro, e, de lá para cá, começou a persegui-la. Em um de seus ataques de violência, ele até tentou invadir a residência em que ela vivia em Uberaba. Frente as ameaças, a adolescente decidiu se mudar para outro município para morar com o pai.

Ela contou à polícia que não sabe o nome completo ou o endereço do ex-namorado, apenas o nome por ele usado nas redes sociais. Quanto à gestação, a menina esclareceu que o suspeito a engravidou enquanto ainda permaneciam juntos, mas, no primeiro trimestre, em 26 de setembro, ela sofreu um aborto espontâneo. Após o registro da ocorrência, o histórico seguiu para a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) e o Conselho Tutelar da cidade em que a adolescente está residindo irá acompanhar a investigação. Militares orientaram que a irmã da garota entrasse com um pedido de medida protetiva contra o ex-namorado.

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui