Homem é condenado por fumar com máscara de oxigênio e incendiar hospital

0

Um homem de 44 anos que incendiou um hospital após fumar no local foi condenado, nesta semana, a cinco anos de prisão. De acordo com a denúncia, o paciente usava máscara de oxigênio quando acendeu o cigarro.

O fogo provocou um prejuízo de cerca de R$ 335 mil e, por causa da fumaça, dezenas de pacientes tiveram que ser retirados com urgência da unidade de saúde. O caso aconteceu no Hospital de Cardiff, no País de Gales.

No processo, funcionários do hospital relataram que o homem já havia sido flagrado por enfermeiros fumando no local e que ele já tinha sido advertido dos riscos da prática. Contudo, “não se importava” com o perigo. 

Ainda segundo os funcionários, o cigarro do homem era feito com uma mistura de ervas e compostos sintéticos – conhecido como maconha sintética. As informações são do jornal “Daily Mirror”.

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui