Homem de 32 anos morre atropelado por carro na BR-365, perto da Comunidade de Água Boa

0

Via G1 Grande Minas

Um homem de 32 anos morreu após ser atropelado por um carro na BR-365, perto da Comunidade de Água Boa, nesse domingo (31). Um casal estava no veículo, fugiu sem prestar socorro e foi preso.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o pedestre atravessava a rodovia quando foi atingido pelo carro. Ele morava em Água Boa e frequentava um bar às margens da BR-365.

O acidente foi na altura do KM-50 e o casal foi preso por uma equipe da Polícia Militar na chegada de Montes Claros. No momento da prisão, o homem dirigia o veículo e contou à polícia que fugiu por medo de ser linchado por populares.

A delegada Maria Angélica Fernandes informou ao G1 que ao chegar na delegacia, a mulher relatou que era ela que conduzia o carro no momento do acidente.

“A mulher confessou que estava na direção e após o acidente, o marido assumiu porque ela estava em estado de choque e não tinha condições de dirigir. Os dois não tem carteira de habilitação e omitiram socorro”.

Eles fizeram o teste do etilômetro e não foi constatado ingestão de álcool. Ainda de acordo com a delegada, a mulher foi atuada por homicídio culposo, agravado pela omissão de socorro e falta de CNH.

 

“Ela vai ser encaminhada ao presídio e ficará à disposição da Justiça. O homem foi atuado por omissão de socorro porque empreendeu fuga do local do acidente. Ele foi ouvido e liberado e assumiu o compromisso de comparecer ao juizado especial”.

G1 não conseguiu falar com o advogado de defesa dos envolvidos. Se a defesa se manifestar posteriormente, essa reportagem poderá ser atualizada.

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui