Polícia Civil prende homem investigado por estupro da prima de 13 anos, em São João do Paraíso

0
Segundo os levantamentos da Polícia Civil, o crime aconteceu em janeiro de 2019, mas foi denunciado em outubro de 2020

Via G1 Grande Minas 

A Polícia Civil prendeu um homem investigado por estuprar a prima na zona rural de São João do Paraíso (MG).

Segundo os levantamentos da Polícia Civil, o crime aconteceu em janeiro de 2019, mas foi denunciado em outubro de 2020. A investigação está sob responsabilidade do delegado Everson Francisco de Moura

“A vítima, uma adolescente de 13 anos, é prima do autor e relata que além dos abusos, sofria constantes ameaças de morte e só se sentiu segura para denunciar quando se mudou do povoado onde residia para a cidade”, informou por meio de nota à imprensa.

A menor procurou pela polícia acompanhada do pai e de uma conselheira tutelar. Ela contou que o estupro ocorreu quando ela morava na casa da avó. A adolescente relatou que foi até o local onde o primo residia para pedir que ele trocasse um botijão de gás.

“O autor, aproveitando-se da vulnerabilidade da vítima, forçou-a a manter relação sexual com ele, sem o seu consentimento, consumando o estupro com conjunção carnal”, destaca a nota.

O homem foi preso temporariamente e encaminhado ao presídio. O G1 não conseguiu localizar nenhum defensor dele. Se algum advogado se manifestar, esta reportagem poderá ser atualizada.

A Polícia Civil reforça a importância de se denunciar esse tipo de crime para que as providências legais possam ser adotadas.

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui