Idoso de 77 anos é preso suspeito de matar mulher a facadas, em Medina, no Vale do Jequitinhonha

0
Ele contou à polícia que emprestou R$ 200 para a vítima e os dois se desentenderam depois que a mulher propôs pagar a dívida com ‘favores sexuais’

Via G1 Grande Minas

A Polícia Civil instaurou um inquérito para investigar a morte de uma mulher em Medina, no Vale do Jequitinhonha. Eliana Rodrigues da Silva, de 49 anos, foi morta a facadas e o corpo foi encontrado enterrado em um lote vago. A ocorrência foi divulgada nesta quarta-feira (21).

Um idoso, de 77 anos, foi preso e confessou o crime. Ele foi encontrado dentro de casa por policiais militares depois de uma denúncia feita pelo irmão da vítima e apontou onde tinha enterrado o corpo. A mulher estava desaparecida desde domingo (18).

“O suspeito confessou prontamente que havia matado a vítima e ocultado o corpo. Segundo o suspeito, em data pretérita teria emprestado R$ 200 a vítima e ela o procurou nesse terreno, onde estava enterrada, e teria feito uma proposta de pagar a dívida com favores sexuais. Houve um desentendimento entre ambos, razão pela qual ele deferiu golpes de faca nela”, disse o delegado Thiago Carvalho Passos.

Ainda segundo o delegado, a mulher foi atingida com quatro facadas no pescoço e havia lesões na mão esquerda “indicando que ela tentou se defender”. Após o crime, o homem abriu uma cova rasa e enterrou o corpo no terreno, que fica a 300 metros da casa da vítima.

O idoso teve a prisão ratificada e foi levado para o presídio. A Polícia Civil representou pela prisão preventiva dele e o inquérito que investiga o caso deve ser concluído em 30 dias.

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui