Aperam BioEnergia promove ações de prevenção a incêndios, no Vale do Jequitinhonha

0
Incêndios florestais dobraram de janeiro a maio em Minas Gerais, segundo Corpo de Bombeiros

Via Itamarandiba Hoje

Embora a alta incidência de incêndios seja de julho a setembro, o número de ocorrências florestais aumentou em quase 50% nos cinco primeiros meses deste ano, se comparados ao mesmo período de 2020, de acordo com dados do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais. Em média, foram 39 queimadas por dia, enquanto no ano passado, a corporação registrou 20. O crescimento das ocorrências chama atenção para as ações de conscientização e prevenção necessárias, em todo o estado.

Comprometida com este assunto, anualmente a Aperam BioEnergia realiza, no mês de julho, a Semana Integrada de Prevenção a Incêndios (SIPIN) no Vale do Jequitinhonha. Neste ano, durante o evento, a empresa promoveu em parceria com as principais rádios da região, um Concurso de Frases com a temática sobre prevenção e combate a incêndios e preservação do meio ambiente. Como resultado, a empresa recebeu mais de 350 frases enviadas por moradores das cidades de Capelinha, Itamarandiba, Minas Novas, Turmalina, Veredinha e entorno.

“O nosso objetivo com essa campanha é conscientizar o maior número possível de pessoas. Por isso, as atividades da SIPIN são pensadas para envolver a comunidade de diferentes formas para que juntos possamos preservar as riquezas do Jequitinhonha, especialmente as pessoas que vivem aqui, além da fauna, flora e a biodiversidade presentes na região”, explica Edimar Cardoso, diretor de operações da Aperam BioEnergia.

Na última quinta-feira (16/07), foi transmitido também um webinar com representantes da Associação Mineira da Indústria Florestal (AMIF) e do Instituto Estadual de Florestas (IEF), aberto à comunidade e também à imprensa local. Quem acompanhou, teve a oportunidade de fazer perguntas aos convidados sobre a prevenção e combate aos incêndios.

Na oportunidade, foram anunciados os vencedores do Concurso de Frases. Cada município onde a Aperam BioEnergia atua teve um ganhador, que foi premiado com um smartphone. Em Capelinha, a ganhadora foi Anália Ferreira dos Santos. Em Itamarandiba: Clarice Vieira Rocha; em Minas Novas, Karla Gomes Rocha. Já em Turmalina foi o Wiliomar Alves Ribeiro e em Veredinha, a ganhadora da melhor frase do Concurso foi Karol Heloísa Cordeiro Santos.

Curso de brigadista

Foto; Divulgação

Como parte da programação, a Aperam BioEnergia, por meio da Fundação Aperam Acesita, realizou entre os dias 13 e 16 deste mês, o Curso de Brigadista nas cidades de Itamarandiba, Minas Novas, Turmalina e Veredinha. A capacitação foi realizada em quatro turmas, contemplando 49 participantes.

“Levar esse tipo de informação à comunidade é uma forma de prevenção e proteção, na tentativa de diminuir os prejuízos naturais e materiais que um incêndio pode trazer”, pontua o presidente da Fundação Aperam Acesita, Venilson Vitorino.

O curso visou capacitar e treinar pessoas das comunidades focando no combate aos incêndios, à prestação de primeiros socorros e em orientações sobre como atuar em caso de acidentes.

Vicente de Paulo Cordeiro é diretor na escola Escola Municipal João Corujas, distrito de Mendonça, na cidade de Veredinha. Segundo ele, a capacitação veio ao encontro de uma necessidade, para além da sala de aula, saber o que fazer, caso algum acidente aconteça. “Minha posição como educador pede de mim essa sabedoria de saber agir diante de uma situação adversa, como de um incêndio. Avalio como excelente essa iniciativa da Aperam BioEnergia de trazer informações como essa para a nossa comunidade”, relata.

Sendo uma atividade ocupada majoritariamente por homens, o curso também se estendeu às mulheres, como foi o caso da presidente da Associação de Setúbal, na cidade de Itamarandiba, Vanete Pereira Gonçalves Souza, que integrou uma das turmas. “Trabalho em uma zona rural, onde cenas com fogo são comuns. Ingressei na turma sem nenhuma experiência e saí com uma bagagem enorme de aprendizado”, destaca.

Estrutura

Em toda a área da Aperam BioEnergia, há torres de vigilância equipadas com câmeras de alta resolução em pontos estratégicos para cobrir toda a área. A empresa também possui o Disque Denúncia 0800 030 5540, onde a população pode entrar em contato para que o time de plantonistas avalie e detecte focos de incêndios.

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui