Ladrão morto em troca de tiros fingiu ser policial para roubar casa

0

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), em conjunto com a Polícia Militar de Goiás (PMGO), deflagrou nesta terça-feira (10/5) uma operação para prender quatro criminosos responsáveis por roubar uma residência no Núcleo Bandeirante, na qual uma idosa, de 78 anos, foi feita refém e amarrada. Um dos assaltantes morreu após confronto de tiros com a PMGO, no bairro Jardim das Oliveiras, em Águas Lindas de Goiás, no Entorno do DF.

Veja o momento da troca de tiros:

O delegado Maurício Iacozzilli, adjunto da 1ª DP (Asa Sul), detalhou ao Metrópoles que o grupo era conhecido pela prática de roubos e furtos de caixas eletrônicos. Durante o monitoramento dos criminosos, constatou-se que eles iriam roubar uma residência do DF nesta manhã.

“Chegou a informação de que eles iriam cometer um roubo que poderia ser na Asa Sul, Park Way ou no Bandeirante. Hoje, conseguimos identificar que eles tinham se deslocado de Águas Lindas para Ceilândia. Logo em seguida, tivemos a notícia do assalto. Eles cometeram o roubo que a gente estava esperando que eles iam realizar”, disse Iacozzilli.

Para entrar na casa da vítima, os autores identificaram-se como policiais e renderam a idosa, quando ela abriu a portão. Da residência, foram roubados um celular, um notebook e grande quantia de dinheiro em espécie que pertencia ao inquilino da vítima. Um dos assaltantes, identificado como Reinan Xavier dos Santos, de 46 anos, foi preso em flagrante, no Setor O, em Ceilândia.

“Verificamos que dois criminosos foram para Ceilândia, onde um deles foi preso e o outro fugiu em um Honda Civic. Também apreendemos dois rádios comunicadores que eles usavam para se comunicador entre si”, relatou o delegado. O homem preso tinha outras três passagens por roubo e uma por homicídio.

Os outros dois comparsas fugiram rumo à Águas Lindas de Goiás. A PMGO foi comunicada sobre os suspeitos e tomou conhecimento do veículo que utilizavam, um Chevrolet Ônix. A cerca de 3 km da barragem do Descoberto, os militares abordaram o veículo.


0

Um dos autores atirou nos policiais e, como defesa, houve revide. O homem foi encaminhado para um hospital da região, mas não resistiu aos ferimentos. O outro criminoso conseguiu fugir do local. Com eles, estavam R$ 29 mil, um celular e uma arma de fogo.

As investigações irão prosseguir para localizar os dois foragidos e posteriores pedidos de prisão preventiva, tendo em vista à violência que utilizaram na ação criminosa. “Esses criminosos já foram identificados. “Eu vou entrar com o pedido da prisão deles e, quando sair os mandados, vamos divulgar imagens dos suspeitos”, afirmou o delegado.

Quer ficar ligado em tudo o que rola no quadradinho? Siga o perfil do Metrópoles DF no Instagram.

Receba notícias do Metrópoles no seu Telegram e fique por dentro de tudo! Basta acessar o canal: https://t.me/metropolesurgente.

O post Ladrão morto em troca de tiros fingiu ser policial para roubar casa apareceu primeiro em Metrópoles.