Polícia Federal procura garimpeiros detidos em terra indígena no Pará

0

A Polícia Federal foi à Terra Indígena Baú, no sudoeste do Pará, em busca de garimpeiros detidos por indígenas do povo Kayapó.

A informação foi confirmada neste domingo (22/5) pela Federação dos Povos Indígenas do Pará (Fepipa).

Segundo o povo, ao menos nove garimpeiros estão cativos. Disseram ainda que um “derramamento de sangue poderia acontecer a qualquer momento”.

Organizações de proteção ao povo Kayapós informaram que os indígenas exigiram a presença da Polícia Federal para retirar os invasores detidos. A libertação ainda não foi confirmada.

Os indígenas relatam que flagraram os invasores tentando reativar um garimpo conhecido como Pista Nova, que fica na terra protegida.

O grupo ainda pretendia chegar até um segundo garimpo na região, conhecido Pista Velha, onde indígenas que estariam dando apoio aos invasores instalaram uma aldeia.

Há risco de conflito entre os próprios indígenas – envolvendo os que apoiam o garimpo e os que são contra a exploração ilegal, segundo o Ministério Público Federal (MPF). Informações da aldeia, coletadas por organizações indígenas, afirmaram que cerca de 40 indígenas ou mais podem se envolver no conflito.

O MPF requisitou à Polícia Federal que seja utilizada uma aeronave da operação “Guardiões do Bioma”, conduzida pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública a fim de realizar uma ação imediata na área.

Receba notícias do Metrópoles no seu Telegram e fique por dentro de tudo! Basta acessar o canal: https://t.me/metropolesurgente.

O post Polícia Federal procura garimpeiros detidos em terra indígena no Pará apareceu primeiro em Metrópoles.