Militar reformado suspeito de estuprar neta passa por audiência de instrução em Barbacena

0
Policial Militar reformado foi preso no dia 13 de maio em Barbacena — Foto: Polícia Civil/Divulgação

O policial militar reformado, de 76 anos, suspeito de abusar sexualmente da neta, de sete anos, participa nesta sexta-feira (14) de uma audiência de instrução e julgamento no Fórum Mendes Pimentel, em Barbacena.

O idoso foi preso no dia 13 de junho e, segundo a assessoria da Polícia Civil, foram apreendidos na casa e no sítio dele CD’s com conteúdo pornográfico. Uma operação foi montada após cerca de um mês e meio de investigação.

A audiência desta sexta é composta por juiz, auxiliares da Justiça, testemunhas, advogados e pelos envolvidos partes. Nela, todos podem produzir provas orais no processo, ou seja, ouvir as testemunhas e o depoimento pessoal das partes.

Depois da sessão, o magistrado abre prazo de cinco dias para que o promotor e a defesa façam as alegações finais e, em seguida, o processo segue para que o juiz dê a sentença.

O caso segue em segredo de Justiça, por se tratar de abuso sexual e por envolver uma criança.

A família é de Belo Horizonte e passava alguns dias na casa do avô, na cidade do Campo das Vertentes. A delegada responsável pelo caso, Flávia Murta, disse, na ocasião, que o depoimento da vítima comprovou que os abusos ocorreram.

“Como se trata de uma criança, ela tem certa dificuldade de precisar as datas de quando começaram estes abusos. O importante é que ela foi firme e coerente, o que deu valor à investigação”, comentou.

Comentários

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui