Muriçocas voltam a assombrar a vida do pinheirense

0

Uma nova infestação de pernilongos voltou a incomodar o dia a dia do pinheirense, que vira e mexe tem que lidar com as muriçocas. A Prefeitura de João Pinheiro afirma que continua realizando o combate ao mosquito batendo o fumacê nos bairros e limpando as grotas e lotes, mas alega que o principal problema é a falta de tratamento de esgoto por parte da Copasa.

O prefeito Edinho destaca que a mais recente infestação começou em setembro, enquanto que no ano passado a situação estava complicada já entre os meses de abril e maio. O trabalho da administração municipal via secretaria de Agricultura e Meio Ambiente segue, mas acredita-se que tenha chegado ao seu limite.

“Estamos em um momento que não tem como fazer esse controle se a Copasa não fizer o tratamento do esgoto, que está correndo a céu aberto. Aa Polícia Ambiental já fez várias notificações, O Ministério Público já fez uma ação, inclusive conseguimos baixar um pouco a taxa de esgoto e agora vamos tentar tirar a taxa de esgoto 100% ou cancelar o serviço como foi votado na Câmara. Estamos fazendo de tudo para combater os mosquitos, só que chega um ponto que o veneno vai prejudicar as pessoas e não vai combater. Nossa única saída é com a Copasa e ela tem que assumir a responsabilidade dela no tratamento de esgoto”, explicou Edinho.

O secretário de Agricultura e Meio Ambiente, Paulinho Trevo 2, fez um pedido à população para que mantenha suas casas e lotes limpos, sem objetos que possam armazenar água, além de manter a caixa d’água tampada, para contribuir com o trabalho da Prefeitura. Mas ele também pede que a Copasa faça a sua parte nessa luta.

“Nós não paramos um dia de combater as muriçocas, quando não estamos na rua batendo o fumacê estamos nas grotas combatendo a larva. Mas, por exemplo, se hoje nós matamos um milhão, amanhã nasce um trilhão por conta do grande número de rede de esgoto a céu aberto, são mais de 17 quilômetros. Eu fui nas grotas, nas elevatórias, tirei fotos e filmei, para mostrar como a Copasa não está fazendo o seu trabalho”, disse.

Comentários

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui