Após casos positivos de Covid-19 na Codau em Uberaba, sindicato pede adoção de medidas para evitar contaminação em massa

0
Médica realiza teste rápido de coronavírus em servidor da Codau em Uberaba — Foto: Codau/Divulgação

O Sindicato dos Trabalhadores da Indústria de Purificação e Distribuição de Água e Serviços de Esgoto de Uberaba (Sindae) enviou um ofício para a Prefeitura e para Companhia Operacional de Desenvolvimento, Saneamento e Ações Urbanas (Codau) pedindo a adoção de medidas emergenciais para evitar a contaminação em massa dos servidores.

A solicitação foi feita depois que dois servidores, um lotado na sede administrativa e outro no Centro Operacional de Logística, foram diagnosticados com Covid-19 e tiveram contato direto com outros funcionários. A autarquia se posicionou sobre o assunto nesta terça-feira (16) (veja abaixo).

No documento, encaminhado ao prefeito, Paulo Piau (MDB); ao secretário municipal de Saúde, Iraci Neto; e ao presidente da Codau, Luiz Guaritá Neto, o Sindae pediu as seguintes providências:

  • afastamento ou autorização para prestação de serviços através de home office para todos os servidores da Codau inseridos no grupo de risco;
  • realização de testagem em massa, especialmente nos setores em que os servidores tiveram contato direto com servidores e/ou outras pessoas contaminadas ou sob suspeita de contaminação;
  • realização de medição de temperatura de todos os servidores;
  • expansão das medidas sanitárias a fim de potencializar a prevenção da disseminação do vírus no ambiente corporativo, especialmente através de disponibilização de álcool em gel, máscaras e adoção de medidas eficazes para garantir o distanciamento entre os servidores;
  • desinfecção constante do ambiente de trabalho, em especial nos locais em que os servidores testados positivos estavam lotados.
 

Resposta da Codau

Em nota enviada à TV Integração, a companhia explicou que, desde março, quando foi decretada situação de emergência em saúde pública por causa da pandemia do novo coronavírus, vem tomando medidas sanitárias para proteger os servidores e o público.

Entre as medidas, estão o fechamento do Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC), estabelecimento de trabalho home office, revezamento entre servidores para reduzir a quantidade de pessoas circulando nos setores administrativos. Recentemente, o SAC foi reaberto, mas somente com agendamento para estabelecer a presença de menos pessoas nas unidades.

A Codau também afirmou que fez compra emergencial de 240 kits de testes do coronavírus para serem utilizados em situações consideradas urgentes; distribuiu quatro máscaras de tecido para cada servidor e produziu mais de 400 máscaras de acetato para os servidores de campo; distribuiu frascos de álcool gel para todas as salas; estabeleceu rotina de sanitização com solução desinfetante para os prédios; dentro das salas, orientou sobre necessidade de distanciamento entre as pessoas; e determinou a compra dos aparelhos de medição e temperatura sem contato físico.

Sobre o servidor contaminado na sede administrava, assim que o resultado positivo do teste do coronavírus saiu, todos os servidores do departamento foram afastados imediatamente e, nas salas próximas, foi reforçado o trabalho home office e montado esquema de sanitização dos espaços.

Ainda segundo a companhia, além disso, o setor de Medicina do Trabalho disponibilizou uma médica para a realização dos testes de coronavírus em 60 servidores que tiveram contato direto ou indireto com o servidor doente. Todos os resultados deram negativo.

Quanto ao servidor do Centro Operacional de Logística, a Codau explicou que, assim que o resultado do teste em laboratório foi confirmado positivo, ele foi afastado das funções, assim como todos os outros servidores que trabalham no mesmo caminhão.

 

Nesta terça-feira, o setor de Medicina do Trabalho também disponibilizou uma médica para realizar os testes nos funcionários que tiveram contato direto e indireto com o servidor doente. Um deles foi confirmado positivo e imediatamente encaminhado para o exame complementar na unidade do plano de assistência médica.

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui