Minas Gerais concentra 76,8 mil infectados com Covid-19 e mais de 1,6 mil mortes

0
Cerca de 900 novos diagnósticos foram confirmados nas últimas 24 horas

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) estima que o pico da pandemia de coronavírus em Minas Gerais acontecerá nos próximos dois dias, na data exata de quarta-feira (15). Com a proximidade deste ponto da curva, do qual o Estado está distante apenas por algumas horas, os números relacionados à infecção nos municípios mineiros crescem de forma alarmante desde o mês passado. Balanço publicado nesta segunda-feira (13) aponta que entre março e esta manhã, 76.822 diagnósticos positivos para a doença receberam confirmação do órgão estadual. Entre eles, aparecem ainda 1.615 mortes ocorridas em função da Covid-19.

A quantidade de infectados praticamente quadruplicou nos últimos 30 dias – ainda em 13 de junho o balanço epidemiológico apontou cerca de 20.600 mineiros contaminados com o coronavírus. Cenário semelhante pode ser encontrado em relação ao número de mortes em decorrência da Covid-19. Até aquela data, 454 moradores do Estado morreram após contraírem a doença, um número três vezes e meia menor que o detectado nesta segunda-feira. Documento publicado pela SES-MG nesta manhã aponta ainda que 971 diagnósticos foram confirmados apenas nas últimas 24 horas. Trinta e nove mortes entraram para a lista de óbitos da pasta desde a véspera.

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui