Número de mortos em explosão de caminhão-tanque na Colômbia sobe para 18

0

Dezoito pessoas morreram e 53 ficaram feridas após a explosão de uma caminhão de combustível na segunda-feira no norte da Colômbia.

O balanço foi atualizado nesta quarta-feira (8) pelo governo de Magdalena, departamento (estado) onde ocorreu a explosão.

“Entre segunda e a manhã desta quarta-feira, 11 pacientes morreram”, informou o boletim. 

O acidente ocorreu enquanto dezenas de pessoas saqueavam o veículo que capotou quando viajava entre as cidades de Barranquilla e Santa Marta.

“Sinto como se tivesse nascido de novo porque, quando explodiu, senti a chama sobre mim”, disse à AFP Eduardo García, um vendedor de rua que sobreviveu à tragédia, embora com mãos e pescoço queimados. 

“É algo que você não pode desejar nem ao seu pior inimigo”, disse Eder Franco, com queimaduras nas costas e nas pernas.

O governo também informou que dois sobreviventes “testaram positivo para Covid-19” e  outros estão sendo tratados como pacientes “suspeitos” em Bagdá. 

Pobreza e desespero
A explosão ocorreu no município de Puebloviejo, onde vivem cerca de 33.000 pessoas sem água potável. 

De acordo com censo mais recente, 58% dos habitantes vivem em condições de pobreza.

“A população recorre a formas desesperadas de subsistência”, explicou o governador de Magadalena, Carlos Caicedo. 

A precariedade se estende a todo o departamento e o caribe colombiano é uma das regiões mais afetadas pelo novo coronavírus, que causou mais de 4.300 mortes e 124.000 infecções no país.

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui