Homem é morto em Betim e dívida de refrigerante pode ter motivado crime

0
Não ter pago o refrigerante em uma aposta pode ter sido a causa para o assassinato

Um homem de 28 anos que estava em prisão domiciliar foi assassinado em Betim, na região metropolitana de Belo Horizonte, no quintal da casa dele, neste domingo (23). Segundo a Polícia Militar, há duas suspeitas para o crime: uma desavença por causa de um refrigerante e a recusa da vítima de voltar para a criminalidade. 

A vítima foi assassinada com cinco tiros no bairro Colônia Santa Isabel. Ele cumpria pena em regime semiaberto e, segundo familiares contaram à polícia, ele teria uma audiência sobre o crime de tráfico de drogas nos próximos dias. 

Testemunhas contaram que o rapaz tinha participado de uma partida de futebol, horas antes da morte, em que ele apostou um refrigerante. A vítima perdeu a aposta e não pagou pelo refrigerante. Já outras testemunhas acreditam que o crime pode ter sido motivado por o homem não querer voltar para a criminalidade, já que traficantes tentaram inserir ele de novo no crime.O rapaz se recusou dizendo que teria audiência em breve.

O corpo dele foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal (IML) de Belo Horizonte e a Polícia Civil vai investigar o caso.

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui