Galo tem o segundo pior aproveitamento fora de casa do G-6 do Brasileiro

0

Atlético soma cinco derrotas no Campeonato Brasileiro até aqui e todas longe de Belo Horizonte. O time de Jorge Sampaoli voltou a perder fora de casa nessa segunda (19), para o Bahia, em derrota de virada por 3 a 1. Dos times do G-6 da competição, o Galo tem o segundo pior aproveitamento fora de casa e só perde para o Fluminense no quesito entre os seis primeiros colocados.

O G-6 do Brasileirão tem, na sequência, Internacional, Flamengo, Atlético, São Paulo, Santos e Fluminense. Dos oito jogos longe de BH, o Atlético perdeu cinco e venceu três. Isso gera um aproveitamento de 37,5% pelos nove pontos conquistados em 24 disputados. O Fluminense, que consegue ser pior, tem 33,3% de aproveitamento fora de casa.

O melhor time não só do G-6 como do Brasileiro longe de seus domínios é o Flamengo. O Rubro-Negro venceu seis, empatou um e perdeu dois jogos dos nove que fez na casa dos adversários. O time de Domenec Torrent tem 70,4% de aproveitamento, o maior disparado. 

O Santos é quem tem o segundo melhor aproveitamento, com 58,3% fora de casa. O atual líder do Brasileiro, Internacional, é o terceiro time com o melhor aproveitamento longe de casa: 51,9%. No caso do Atlético, a equipe conseguiu vencer apenas Flamengo, Coritiba e Atlético-GO fora de casa, com derrotas para Botafogo, Internacional, Santos, Fortaleza e Bahia.

Um dado curioso, segundo o FutDados, é que 13 dos 17 campeões brasileiros na era dos pontos corridos foram também os melhores visitantes de suas respectivas edições vencedoras. Os últimos nove campeões, desde 2011, lideraram o quesito. Apenas nas edições de 2004, 2006, 2009 e 2010 o campeão não foi o melhor visitante.

Aproveitamento de cada time fora de casa no Brasileiro (segundo o FutDados)

Flamengo: 70,4%
Santos: 58,3%
Internacional: 51,9%
Palmeiras: 50%
Atlético-GO: 44,4%
São Paulo: 42,9%
Atlético: 37,5%
Botafogo: 37,5%
Fluminense: 33,3%
Grêmio: 33,3%
Corinthians: 29,6%
Coritiba: 29,6%
Sport: 29,6%
Vasco: 29,2%
Fortaleza: 29,2%
Bahia: 25%
Ceará: 20,8%
Athletico-PR: 19%
Red Bull Bragantino: 18,5%
Goiás: 14,3%

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui