‘O povo brasileiro não será cobaia’, diz Bolsonaro sobre vacina chinesa

0
Bolsonaro disse que qualquer vacina deve ser comprovada cientificamente antes de ser disponibilizada

O presidente Jair Bolsonaro reafirmou em seu perfil oficial no Twitter, na manhã desta quarta-feira (21), que o governo não vai comprar a Coronavac, vacina da farmacêutica chinesa Sinovac que será produzida no Brasil pelo Instituto Butantan.

“Para o meu Governo, qualquer vacina, antes de ser disponibilizada à população, deverá ser comprovada cientificamente pelo Ministério da Saúde e certificada pela Anvisa”, escreveu Bolsonaro, chamando o imunizante de “vacina chinesa de João Doria”.

O presidente disse, ainda, que “não se justifica um bilionário aporte financeiro num medicamento que sequer ultrapassou sua fase de testagem” e declarou que “o povo brasileiro não será cobaia de ninguém”.

 

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui