Sara Winter critica Bolsonaro: ‘Estou cansada do governo que dei minha vida’

0

Em prisão domiciliar, a ativista extremista Sara Giromini, mais conhecida como Sara Winter, fez um desabafo nas redes sociais nesse domingo (4) sobre sua atual situação. Suspeita de estar à frente de atos antidemocráticos, principalmente contra o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal (STF), a bolsonarista não parece estar mais feliz com o governo.

Em uma sequência de stories no Instagram e em uma postagem no Facebook, Sara disse que se sente abandonda. “Sim, senhores, estão exonerando todos os que já tiveram contato comigo, a começar pelo Ministério da Damares. Estou cansada do governo que dei minha vida”, disse.

Ela criticou a postura da ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves. “Damares? Eu sou a filha que Damares abortou. O ofício que meus advogados protocolaram no Ministério dos Direitos Humanos no dia 17 de junho sobre a prisão política está jogado lá, nem olharam, tampouco responderam”, contou.

“Não reconheço Bolsonaro. Não sei mais quem ele é. O homem que eu decidi entregar meu destino e vida para proteger um legado conservador. Por que estou escrevendo isso? Porque não aguento mais. Não aguento mais”, lamentou.

Sara Winter explicou que não está “mudando de lado”, pois ainda defende os mesmos interesses. “Acorda, Bolsonaro. Já tá bom de dar surra em quem gosta de você. E não me venham falar de virar a casaca. O que eu quero é um Brasil livre do comunismo, do aborto… e pelo visto, esse sonho morreu com a minha última vontade de reagir a vida”, falou.

“Aprendam: nem no governo Bolsonaro existem direitos humanos para os conservadores. E é isso. É isso que vou contar pra qualquer um fora do Brasil que me perguntar: estou vivendo pela vontade de fazer justiça com todos os que estão presos por defender Bolsonaro. Mas não posso mais contar com ele, pois infelizmente, por “estratégia” se tornou parte do establishment”, concluiu.

Veja seu relato completo:

Políticos e instituições de mais de 13 países estão me procurando para perguntar o que diabos está acontecendo com…

Posted by Sara Giromini on Sunday, October 4, 2020

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui