Ex-embaixador na China diz que Eduardo Bolsonaro pode trazer danos ao Brasil

0
O presidente Jair Bolsonaro disse que pode indicar seu filho Eduardo como embaixador nos EUA

Após acusar a China de espionagem e soltar algumas “indiretas”, o deputado estadual e filho do presidente da República, Eduardo Bolsonaro (Republicanos-SP), está sendo visto como uma ameaça à diplomacia. Segundo o ex-embaixador no país asiático e também nos Estados Unidos Roberto Abdenur, suas atitudes podem trazer danos graves ao país.

“O Brasil está metendo os pés pelas mãos de maneira desarrazoada e contraproducente. Eduardo Bolsonaro fala como deputado, como filho do presidente e como presidente da Comissão de Relações Exteriores da Câmara. É de uma imensa irresponsabilidade, agora ameaçando causar danos graves aos interesses do Brasil com a China”, afirmou Abdenur em entrevista à BBC News Brasil.

“É ilusão acharmos que a China vai continuar dependendo eternamente das nossas importações. Há outros países no mundo. A China está financiando projetos agrícolas importantes na África, em regiões que têm um clima e solo parecidos com o Brasil, está em entendimentos também para aumentar a produção de soja na Rússia e na Ucrânia”, completou.

A China já se pronunciou sobre as falas de Bolsonaro, classificando-as como “totalmente inaceitáveis” e “declarações infames que, além de desrespeitarem os fatos da cooperação sino-brasileira e do mútuo benefício que ela propicia, solapam a atmosfera amistosa entre os dois países e prejudicam a imagem do Brasil.”

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui