Polícia prende em Minas suspeito de desviar R$ 700 mil no Espírito Santo

0
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu, nesta terça-feira (10), um homem suspeito de desviar R$ 700 mil da Câmara de Itarana, no interior do Espírito Santo. Segundo a corporação, o homem, de 47 anos, tinha um mandado de prisão preventiva em aberto e estava sendo procurado pela Polícia Civil do Estado capixaba. O suspeito atuava como contador e tesoureiro da Câmara Municipal da cidade desde 2005, porém havia sido exonerado na semana passada após as denúncias. 
 
O homem foi abordado, nesta terça-feira (10), pela PRF na BR-381 em João Monlevade, na região Central do Estado. No momento da abordagem, o suspeito estava com mais de R$ 27 mil. Mas quando questionado sobre a origem e o destino do dinheiro, ele não soube informar à corporação. Os policiais, então, buscaram pelo nome do homem no sistema de dados da polícia e descobriram que havia um mandado de prisão preventiva em aberto contra ele. O mandado era pelos crimes de peculato e desvio de dinheiro público. 
 
O suspeito foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de João Monlevade.

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui