Defesa Civil de Juiz de Fora atende mais de 50 ocorrências de áreas afetadas pela chuva em 24 horas

0
Rua Benjamin Constant está alagada em Juiz de Fora — Foto: Nayara de Paula/G1

Entre a tarde de terça-feira (8) e a manhã desta quarta-feira (9), a Defesa Civil registrou 55 ocorrências relacionadas a chuva em Juiz de Fora. Foram ameaça de desabamento, ruas alagadas, enxurradas, trinca de parede, escorregamento de talude, quedas de árvores e outras. Ninguém ficou ferido.

Os bairros mais atingidos foram Ipiranga, Santa Luzia, Eldorado, Grajaú, Bandeirantes, Vitorino Braga, Santa Cândida, Vila Alpina, Granjas Bethânia, Progresso, Centenário, Retiro, Jardim Natal, N. Sra. de Lourdes, Santo Antônio e Linhares.

Segundo o órgão, choveu 59,8 mm de chuva no Bairro Santa Terezinha; 55,62 mm no Bairro Graminha; 51,21 mm no Bairro Santa Efigênia; 45,87 mm na Cidade Universitária; 39 mm no Bairro Igrejinha e 30 mm no Bairro Grama.

O nível do Rio Paraibuna chegou a 3,40 m às 17h30 da terça-feira (8). Já às 9h30 desta quarta, o nível da água abaixou para 2,47 m. O normal é de cerca 1,30 m.

A Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) informou que, durante a chuva, os bairros Jardim de Alá e Vale do Ipê ficaram sem energia. O número de clientes atingidos não foi divulgado.

O G1 entrou em contato com o Departamento Municipal de Limpeza Urbana (Demlurb), Secretaria de Obras e a Empresa Municipal de Pavimentação e Urbanização (Empav) para saber quais ações para limpeza e reconstrução serão feitas nesta quarta-feira e até a última atualização desta matéria não obteve retorno.

A reportagem também questionou a Defesa Civil se algum imóvel foi interditado após as chuvas. O órgão explicou que está fazendo o levantamento destas informações.

A reportagem também questionou a Defesa Civil se algum imóvel foi interditado após as chuvas. O órgão explicou que está fazendo o levantamento destas informações.

Um muro caiu na Avenida Brasil durante a chuva em Juiz de Fora — Foto: Ester Vallim/G1

Ocorrências

Árvore caiu e interditou Estrada Engenheiro Gentil Forn em Juiz de Fora — Foto: Fernanda Lília/G1

Na Estrada Engenheiro Genti Forn, que dá acesso a Cidade Alta, um eucalipto de quase 15 metros de altura caiu e interditou todo o trânsito. O tronco ficou preso aos fios de alta tensão e equipes da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) foram acionadas no Local. Após o trabalho, os bombeiros começaram a fazer o corte e agentes de trânsito controlaram o tráfego na via.

Já na Avenida Brasil, o muro de um clube cedeu. A estrutura tinha cerca de 20 metros de comprimento e dois de altura. Ninguém ficou ferido. Parte do muro ainda ficou de pé, mas apresenta rachaduras e ainda há risco.

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui