MG está entre alvos de operação da PF contra fraudes no auxílio emergencial

0
Mandados de busca e apreensão, de prisão e sequestro de bens são cumpridos na manhã de quinta-feira (10) em 14 estados brasileiros, entre eles Minas Gerais

Endereços em Belo Horizonte e no município de Passos, na região Sul, estão entre os alvos de uma operação nacional da Polícia Federal (PF) que pretende coibir fraudes no auxílio emergencial. Agentes cumprem mandados de prisão, busca e apreensão e sequestro de bens à manhã de quinta-feira (10), não apenas em Minas Gerais, como também em outros treze estados. Foi determinado o bloqueio de até R$ 650 mil em contas bancárias ligadas a suspeitos de fraude que receberam ilegalmente o auxílio oferecido à população mais vulnerável como suporte econômico em meio à pandemia.

A Justiça expediu sete mandados de prisão, além de mais de 42 de busca e apreensão – entre eles os três cumpridos entre a capital mineira e Passos – e 13 para sequestro de bens. Endereços são buscados, segundo informações da Polícia Federal, também nos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Paraíba, Santa Catarina, Tocantins, Paraná, Goiás, Rio Grande do Sul, Maranhão, Piauí e Mato Grosso do Sul. Além de garantir que fraudes sejam punidas, a operação também mira quadrilhas suspeitas do crime.

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui