Zema diz que muitos hospitais de Minas só tem estoque de sedativo para mais um, dois ou três dias

0
‘Estamos correndo risco de pacientes intubados acordarem por falta de sedativos, isso não pode acontecer’, afirmou o governador.

Via G1 Minas Hoje

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), disse que Minas Gerais só tem estoque de sedativo para mais um ou dois dias. A declaração foi feita durante coletiva de imprensa, na manhã desta quinta-feira (8), na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte.

“Estamos correndo risco de pacientes intubados acordarem por falta de sedativos, isso não pode acontecer”, disse.

De acordo com o governador, a baixa no estoque é reflexo de uma mudança no Ministério da Saúde e do aumento na demanda pelo medicamento.

“A indústria conseguiu triplicar, mas o consumo aumentou muito. Hoje a situação é crítica. Amanhã podemos ter notícias desagradáveis, caso o fornecimento não seja normalizado”, afirmou.

Segundo ele, a situação da falta de cilindros oxigênio, enfrentada na semana passada no estado, já foi resolvida.

Mil mortes em dois dias

Durante a coletiva, também foi confirmado o número de mortes nas últimas 24 horas em Minas Gerais: 492. Com isso, o estado registrou a triste marca de 1 mil mortes em apenas dois dias. 

Nesta quinta-feira (8), Minas já havia contabilizado 508 novos óbitos , o recorde desde o início da pandemia no ano passado.

Possível nova variante

Em relação a possível nova variante circulando em Belo Horizonte, Romeu Zema demostrou preocupação. 

 
“Toda mutação significa uma dificuldade adicional. Isso está sujeito a acontecer em qualquer lugar e indica que o processo de vacinação precisa ser agilizado . Só assim vamos garantir que o Brasil não seja esse celeiro de mutações”, disse.

O governador defendeu que não seja feito estoque de vacinas para a aplicação da segunda dose. “Montar estoque de vacina não é recomendável. Ela precisa ir para o braço das pessoas e não ficar em refrigerador”, falou.

O secretário de Estado de Saúde, Fábio Baccheretti, disse que a nova cepa tem mutações importantes, mas destacou que ainda não se sabe se ela seria, por exemplo, mais letal do que as outra.

 

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui