Garis fazem nova paralisação em Governador Valadares; melhorias nas condições de trabalho

0
Garis fazem nova paralisação e cobram direitos — Foto: Cristiano Dias/Inter TV dos Vales

Via G1 Vales de Minas Gerais 

A coleta de lixo em Governador Valadares voltou a ser paralisada nesta terça-feira (17). Mais de 110 garis realizaram manifestação cobrando o pagamento de parcelas atrasadas do FGTS e melhorias nas condições de trabalho. É a terceira vez que os trabalhadores paralisam as atividades em 2021 devido a essas reivindicações.

Com cartazes e palavras de ordem, os manifestantes saíram da sede da Dpark, empresa terceirizada responsável pela coleta de lixo na cidade, e fizeram passeata até o Ministério Público e a Prefeitura de Valadares.

Um dos manifestantes afirmou que, após cerca de dois meses desde a última paralisação, as reivindicações dos trabalhadores ainda não foram atendidas.

“Tivemos duas audiências canceladas pela Justiça. Na última, a juíza saiu de férias e o juiz substituto alegou que o processo estava tumultuado e não poderia julgar. Nossa advogada entrou com recurso no Tribunal de Belo Horizonte, o desembargador ontem [segunda-feira] deu liminar ordenando que a juíza marcasse uma audiência imediatamente, que foi marcada para 6 de setembro. Então, a gente fica de mãos atadas, porque a empresa está para sair em novembro. A gente não teve, sequer, o nosso direito ouvido”, lamentou Mateus Ferreira de Oliveira Lopes.

Procurada pela Inter TV dos Vales, a Prefeitura de Valadares informou que o pagamento do município para a empresa Dpark, relativo ao contrato atual da coleta de lixo, está rigorosamente em dia, reiterando o compromisso da atual administração com as obrigações e com os servidores diretos e indiretos.

Disse ainda que já notificou em outras oportunidades a empresa acerca do descumprimento de suas obrigações, inclusive já solicitou a abertura de procedimento administrativo para apurar as faltas contratuais.

Ainda conforme a Prefeitura, na manhã desta terça-feira, o procurador geral do município e os secretários da Fazenda e de Comunicação receberam representantes do movimento, reafirmando que “a Prefeitura está ao lado dos trabalhadores, e que jamais vai deixá-los desamparados”. Explicaram a situação e informaram que, junto aos advogados da empresa, vêm trabalhando para buscar uma solução definitiva.

Em entrevista à Inter TV dos Vales, a advogada da Dpark, Janaina Murta, disse que a empresa fez o parcelamento do FGTS dos funcionários e que todos os pagamentos estão em dia. Afirmou ainda que, durante um período da pandemia, houve dificuldade de acesso aos Equipamentos de Proteção Individual (EPI) fornecidos aos colaboradores. Porém, esse imprevisto já foi normalizado e já tem disponibilidade para todos os funcionários.

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui