Caminhoneiros colocam fogo em pneus no Marco Divisório, em Poços de Caldas

0
Caminhoneiros colocam fogo em pneus no Marco Divisório em Poços de Caldas — Foto: Marcos Corrêa

Via G1 Sul de Minas 

Caminhoneiros colocaram fogo em pneus na noite desta quarta-feira (8) durante manifestação na MGC-267, no Marco Divisório, em Poços de Caldas (MG). A manifestação segue manhã desta quinta-feira (9) com bloqueio de passagem de caminhões, mas passagem liberada para carros de passeio. Em Passos há protesto também com via interditada apenas para veículos de carga. Já em Varginha, nenhum veículo está sendo paralisado pelos manifestantes.

Em Poços de Caldas, segundo a Polícia Militar, mais de 85 caminhões estavam parados no Marco Divisório na manhã desta quinta-feira (9). Os caminhoneiros estão permitindo a entrada dos carros de passeio na cidade, mas estão parando os caminhões.

A manifestação, segundo a PMR, segue de forma pacífica. Na noite desta quarta-feira (8), os manifestantes colocaram fogo em pneus na rodovia, mas a polícia informou que a ação não causou riscos para quem estava no local.

Outras manifestações

Em Varginha (MG), a paralisação segue na na MGC-491, em uma das entradas do município. Segundo a Polícia Militar, nenhum veículo, seja carro ou caminhão, está sendo impedido e transitar pelos caminhoneiros.

Conforme o Sindicato das Empresas de Transporte do Sul de Minas (Setsul), caminhoneiros autônomos participam da ação.

“O nosso sindicato representa as empresas. Não concordamos com o movimento, porque ele não possui uma pauta definida, diferente do que aconteceu em 2018. Em 2018 a gente tinha pautas reivindicatórias para a classe dos caminhoneiros, como a queda no preço do diesel e dos impostos. Agora não vejo isso, apenas questões políticas”, afirmou o representante do Setsul, Néliton Antônio Bastos.

Segundo caminhoneiros que participam da manifestação, a ação ocorre em apoio ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

A manifestação em Varginha fez com que motoristas de carros de passeio e motos iniciassem filas nos postos de combustível, mesmo sem nenhum indício de falta de abastecimento. O Sindicato das Empresas Transportadores de Combustíveis e Derivados de Petróleo de Minas Gerais (Sindtanque-MG), afirma que não participa e nem irá participar de nenhuma das ações.

Manifestação de caminhoneiros ocorre na rodovia em uma das entradas de Varginha — Foto: Reprodução/EPTV
Manifestação de caminhoneiros ocorre na rodovia em uma das entradas de Varginha — Foto: Reprodução/EPTV

Também há manifestação de caminhoneiros em Passos (MG). Segundo a Polícia Militar Rodoviária, a paralisação acontece na MG-050, perto do aeroporto. Segundo a PMR, 150 caminhões estão parados na rodovia. Assim como em Poços de Caldas, os manifestantes estão parando apenas caminhões.

Deixe um Comentário

Deixe um comentário
Digite seu nome aqui