Antonio Mohamed: conheça a emocionante história de “El Turco” do Galo

0

Antonio Mohamed, 51 anos, novo técnico do Atlético-MG, tem uma história de vida emocionante. Conhecido como “El Turco” pela sua ascendência sírio-libanesa, o argentino jogou como atacante, passando pelo Boca Juniors, Independiente, América e Monterrey.


0

Quando terminou a trajetória dentro dos campos, começou a trabalhar como treinador, em 2004. Logo no início da sua caminhada na profissão, ocorreu uma tragédia que mudou a sua vida.

Mohamed tinha um filho, Farid, que era apaixonado por futebol e pela seleção argentina, e seu sonho era ver, no estádio, um jogo de Copa do Mundo. Em 2006, então, ano do Mundial da Alemanha, Antonio levou a família para ver o duelo da Argentina contra os anfitriões, pelas quartas de final.

O jogo terminou empatado em 1 x 1 e os hermanos acabaram perdendo na disputa de pênaltis por 4 x 2. Com a eliminação da Argentina, então, Mohamed e a família decidiram voltar para casa.

No caminho para o aeroporto de Frankfurt, o motorhome da família foi atingido por outro veículo em alta velocidade. Farid foi hospitalizado em estado grave, mas não resistiu e morreu aos 9 anos. Foi quando Mohamed prometeu que seria campeão da primeira divisão com o time do coração do filho, o Monterrey, do México.

Então, ele cresceu e evoluiu como treinador até assumir o Monterrey em 2014/15, onde ficou até 2017/18 e venceu o torneio Apertura da Copa do México em 2017. Mas não era o suficiente.

Em 2018/19, “El Turco” partiu para a Espanha, comandar o Celta de Vigo, mas na mesma temporada voltou para a Argentina, para o Huracán, e não se destacou em nenhum desses trabalhos e retornou ao México.

Festa “lá em cima”

Novamente à frente do Monterrey, em 2019/20, ele passou a carregar consigo um terço, que deixava em um dos bancos de reserva e disse que era um amuleto para sentir o filho ao seu lado, torcendo pelo seu time. Após uma campanha incrível, Los Albiazules chegaram à final do Campeonato Mexicano e disputaram a final com o América.

O Monterrey venceu o jogo de ida, em casa, por 2 x 1, e perdeu na volta pelo mesmo placar, levando a decisão para os pênaltis. E a história dos pênaltis é melhor contar com este vídeo:

Ao cumprir a promessa que fez ao filho, “El Turco” se emocionou bastante e dedicou o título à mãe, ao pai e a Farid. “Eles devem estar fazendo uma festa lá em cima”, disse ao jornal Record.

Com oito títulos na bagagem, Antonio chega para assumir o atual campeão do Brasileirão e da Copa do Brasil, prestes a enfrentar um ano de favoritismo em todas as competições que disputar e uma delas será o troféu da Supercopa do Brasil, contra o Flamengo, no dia 20 de fevereiro.

Antes disso, no entanto, o Galo já começa a temporada com o Campeonato Mineiro, previsto para iniciar em 26 de janeiro.

Quer ficar por dentro de tudo que rola no mundo dos esportes e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles.

O post Antonio Mohamed: conheça a emocionante história de “El Turco” do Galo apareceu primeiro em Metrópoles.