Djokovic é detido novamente após visto ser cancelado na Austrália

0

O tenista sérvio Novak Djokovic foi detido pela segunda vez em Melbourne no fim da noite desta sexta-feira (14/1), horário do Brasil, após se reunir com funcionários da Imigração da Austrália.

O esportista teve o visto cancelado pela segunda vez por motivos sanitários e de “ordem pública”.

O sérvio deve ser  levado pelas autoridades da imigração, embora não possa ser deportado até que o caso seja resolvido judicialmente.


0

Neste sábado (15/1), dia da audiência marcada para o Tribunal Federal da Austrália, Djokovic se reunirá com advogados.

O imbróglio coloca em dúvida a participação no sérvio no Aberto da Austrália, que foi barrado no país por falta de comprovante de vacinação contra a Covid-19, doença causada pelo coronavírus.

Djokovic viajou da Espanha para Melbourne em 5 de janeiro, com uma isenção médica que permitiria sua entrada na Austrália mesmo não estando  vacinad.

O visto, porém, foi cancelado, motivo pelo qual ele foi retido pelas autoridades da imigração e ficou num hotel de quarentena.

O governo australiano controla a entrada de estrangeiros exigindo a comprovação de vacinação contra Covid, mas aceita receber pessoas não vacinadas quando comprovada a isenção médica.

As exceções incluem pessoas que não tomaram o imunizante para não piorar um quadro clínico grave causado por outra doença ou aquelas que apresentaram reação grave na primeira dose. Já o argumento da contaminação recente tem gerado debate e será avaliado pela Justiça.

O post Djokovic é detido novamente após visto ser cancelado na Austrália apareceu primeiro em Metrópoles.