RJ: polícia investiga se van capotou e caiu após bater em outro carro

0

Rio de Janeiro – Um Fiat Siena prata que bateu na van intermunicipal que caiu do elevado da Linha Vermelha na Rodovia Washington Luiz, na manhã de segunda-feira (10/1), pode ter sido o responsável pelo acidente que deixou um morto e 16 feridos. A polícia espera confirmar a causa do acidente com os depoimentos dos motoristas dos dois veículos.

Os feridos foram socorridos e levados para os hospitais Geral de Nova Iguaçu e Adão pereira Nunes, ambos na Baixada Fluminense, e Municipal Evandro Freire, na Ilha do Governador. Todos foram examinados, avaliados e liberados ainda na segunda, incluindo o motorista da van Manoel José de Melo Neto, de 51 anos.


0

De acordo com a Polícia Civil, o caso foi registrado na 59ª DP (Duque de Caxias), que instaurou inquérito para apurar o que provocou o acidente. Peritos examinaram a van, o Siena prata e o local do acidente. Também foram ouvidas “testemunhas, parte dos passageiros da van e o motorista do outro veículo envolvido no acidente”. Outras pessoas ainda prestarão depoimento, entre elas Manoel José.

O corpo do vigilante Mauro Francisco Vieira, de 57, foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal e também será periciado. Ele era um dos 17 passageiros da  van, que estava regularizada, mas transportava duas pessoas a mais do que o permitido. Por isso, o motorista foi multado pela infração. O valor da multa é de R$ 1.813,91, que pode dobrar em caso de reincidência.

A van caiu por volta de 8h30 da na altura nas imediações da BR-040, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

O post RJ: polícia investiga se van capotou e caiu após bater em outro carro apareceu primeiro em Metrópoles.