Streamer de Valorant é acusado de assédio a menores de idade

0

Matheus Almeida, conhecido como “CybinH”, foi acusado nesta semana de assédio sexual por uma menor de idade. O crime teria ocorrido no dia 9 de janeiro com uma menina de 16 anos. Além desse caso, outra adolescente de 13 anos revelou que o streamer de Valorant pediu fotos sensuais em uma conversa on-line.

Além desses casos, uma ex-namorada afirma que sofreu abuso psicológico do criador de conteúdo.

Em relato publicado nas redes sociais, a jovem de 16 anos afirma que nutria uma admiração muito grande por CybinH e costumava interagir constantemente em suas lives. Um dia, ela o convidou para jogarem juntos. Eles fizeram uma ligação on-line durante a qual o streamer mineiro teria se masturbado na frente da câmera.

A adolescente afirma ter deixado claro sua idade para CybinH, admitiu que eles flertaram, mas que não esperava que “fosse tão longe”. “Fui manipulada”, escreveu a jovem.

Também on-line, Marinah “akemi” contou sobre sua interação com CybinH, em que ele pedia fotos nuas em troca de desconto em um preço para coach. 

Marinah estava comentando em um post de Mylena “villa”, a primeira denunciante do streamer. Durante uma onda de denúncias em janeiro de 2021, ela fez uma sequência de tuítes relatando o assédio sofrido no fim de 2020. 

Após encontrar dificuldades em uma partida por causa da conexão da internet, villa conversou com Cybin via WhatsApp, onde sofreu diversas investidas. Desconfortável, ela saiu de todos os grupos relacionados ao criador de conteúdo, que a procurou depois pedindo desculpas e para que a conversa não fosse repassada. 

“Eu passei meses muito mal por ter passado por isso tudo e ter visto o psicológico abalado de tantas meninas”, disse villa em entrevista ao GE. 

A streamer e jogadora profissional de Valorant Julianna “JuW” Suchini foi outra denunciante de CybinH. Quando tinha 17 anos, ela revelou uma conversa de cunho sexual que o streamer tentava forçar. 

Jade Sayuri, outra streamer, conta ter se relacionado virtualmente com CybinH por cerca de 1 mês e meio. Ela revela ter sofrido com a hiperssexualização do ex-parceiro. Também em entrevista ao GE, Jade afirma que o início do namoro foi bom até que ele começasse a mostrar as partes íntimas e se masturbar em ligações de vídeo.

A versão de CybinH

Em suas redes sociais, CybinH confirmou ter feito ligação de vídeo com a adolescente de 16 anos e contou ter recebido mensagens e fotos sensuais dela.

Confira abaixo, a nota do streamer na íntegra:

“Irei me pronunciar sobre os acontecimentos do início da tarde sobre o “exposed”. Para que não haja nenhum mal entendido, venho tirar a limpo toda a situação. Sim, eu fiz call (conversei pelo discord) com a pessoa do print. Começamos a call às 00h:20min, e jogamos uma partida de Valorant. Logo após, ela me enviou uma imagem de uma tabela “sexual”, que é uma espécie de teste que diz o tipo de pessoa que você se identifica sexualmente como, por exemplo, XX% Rope Bunny, XX% Submissiva, que continha os resultados dela, sendo apagada posteriormente por ela. Nisso, deveria ter encerrado o contato nesse momento, sei disso.

Na call em que estávamos falei várias vezes que essas coisas não iam dar certo. No entanto, foi nesse momento que ela mandou uma “semi nud*”. Como eu já tinha achado estranho, resolvi printar a conversa borrando o conteúdo da imagem. Que de fato foi apagada depois, contradizendo oq a mesma expos em sua versão(IMG 1 Nud* – IMG 2 Nud* foi apagado por ela) A frase “neguei trocar nudes/websexo”, não procede, pois tenho provas em áudio.

Sobre a pessoa que falou que me namorou, foram apenas 3 dias de conversas espaçadas. E eu não tenho nenhuma ex no meio de jogos, ou que tenha contato com a pessoa para falar sobre “pós términos”. Inclusive, eu me afastei dessa pessoa por não estar de acordo com suas ideias.

Quanto a esses prints apresentados, sobre uma conversa que tive com uma das pessoas, posso ter sido muito infeliz na escolha de palavras, porém algumas situações foram descontextualizadas (IMG 3,4,5).

Eu costumo me apegar a pessoas e construir uma amizade com facilidade, e por consequência disso, acabo me enganando em relação ao nível de intimidade com a pessoa, o que de fato é algo a ser mudado na minha personalidade. Porém, em momento algum tive a intenção de constranger ou desrespeitar as pessoas a minha volta.

Como essas situações foram trazidas diretamente a público, e sendo essas acusações graves, estou procurando meus direitos, inclusive acionando meus advogados.”

O post Streamer de Valorant é acusado de assédio a menores de idade apareceu primeiro em Metrópoles.