Fotos: quem são os golpistas presos no Rio que ostentavam em viagens

0

Rio de Janeiro – A quadrilha de Santa Catarina, presa na saída de uma joalheria no Leblon, na zona sul do Rio, esbanjava luxo em viagens pelo país. Nas redes sociais, o grupo postava fotos e vídeos em passeios de lanchas e em casas noturnas.

Os golpistas fizeram fortuna com roubo de dados na deep web. Lá, eles conseguiam informações de vítimas com alto limite bancário e gerava links de pagamentos cujos beneficiários eram “laranjas” do próprio grupo. Todo o processo era feito com cartões clonados e transferências bancárias.

Segundo a polícia, a quadrilha, comandada por Diego Luís Pereyra Ferreira, o DG. Willian Teixeira Chicorsky, Fernanda Natalina dos Santos Lima e Angélica de Jesus Albercht, deu prejuízo às vítimas superior a R$ 1 milhão. 

Conheça os integrantes:


0

De acordo com as investigações da 14ª DP (Leblon), os quatro estavam no Rio há um mês, mas já têm passagens por São Paulo, Nordeste e Balneário Camboriú (SC).

Informações obtidas pelo jornal O Globo apontam que a quadrilha ofereceu R$ 150 mil aos policiais em suborno para serem liberados. Com eles, foram apreendidos um carro Audi do modelo Q3, 10 celulares, R$ 4 mil em espécie, uma pistola com a numeração raspada, dois carregadores e munição.

Receba notícias do Metrópoles no seu Telegram e fique por dentro de tudo! Basta acessar o canal: https://t.me/metropolesurgente.

O post Fotos: quem são os golpistas presos no Rio que ostentavam em viagens apareceu primeiro em Metrópoles.