Dirigente do Flamengo rechaça possibilidade de Paulo Sousa ir á Fifa

0

O vice-presidente Geral e Jurídico do Flamengo, Rodrigo Dunshee, rechaçou através de seu Twitter neste domingo (19/6) a possibilidade do treinador Paulo Sousa acionar a Fifa para que o clube pague a multa rescisória após sua demissão.

Dunshee afirmou que o clube pagará os R$ 6 milhões ao treinador português e lamentou que o staff do treinador tenha levado o assunto para a mídia. Confira:

Segundo uma matéria do portal O Globo deste domingo (19/6), o departamento jurídico do clube carioca teria concordado com o staff do treinador português o parcelamento da multa rescisória e o pagamento dos salários até dezembro deste ano. O clube, no entanto, teria voltado atrás na decisão e sugerido valores abaixo do estipulado.

A equipe que comanda a carreira de Paulo Sousa cogitou acionar a Fifa para que os valores sejam pagos. Além dos valores ao treinador, o clube precisa quitar ainda as quantias com os outros membros da comissão técnica que acabou demitida junto com Sousa.

Paulo Sousa foi demitido do Flamengo após a derrota para o Bragantino, fora de casa, por 1 x 0. O time já havia perdido na rodada anterior para o Fortaleza, em casa. Com os resultados e o mal desempenho da equipe no Campeonato Brasileiro, o clube acertou a saída do portugês, que foi substituído por Dorival Júnior. O Flamengo está na 11ª posição com 15 pontos somados.

Quer ficar por dentro de tudo que rola no mundo dos esportes e receber as notícias direto no seu celular? Entre no canal do Metrópoles no Telegram e não deixe de nos seguir também no Instagram!

O post Dirigente do Flamengo rechaça possibilidade de Paulo Sousa ir á Fifa apareceu primeiro em Metrópoles.