Lutador do UFC persegue ladrão e interrompe assalto

0

Kevin Holland, lutador norte-americano que brilhou no UFC desse sábado (18/6) ao finalizar Tim Means, ajudou a parar um assalto em uma loja nos Estados Unidos.

Na sexta-feira (17/6), após a pesagem, ele e sua equipe estavam na rua esperando para entrar em um restaurante quando perceberam uma perseguição e o lutador contou detalhes do episódio.

“Sai um cara correndo de uma loja com um sobretudo preto, o dono da loja sai correndo atrás dele. Dissemos: ‘O que está pegando?’. O cara parecia Tyrone Biggums (personagem sem-teto de um famoso programa de TV nos EUA), fomos atrás do Tyrone Biggums pela rua. Vou te dizer, não persiga cracudos na rua, eles são rápidos à beça. Corremos atrás dele, eu gritei, ‘Se você soltar o negócio, não vou te f*** quando te pegar!’. Quando chegamos na estrada, ele soltou e pensei ‘Graças a Deus”, eu estava cansadaço”, contou Holland.

Foi a quarta vez que o lutador se envolveu em ações relacionadas. Em outubro de 2021, Kevin parou um roubo de carro. Em março deste ano, ele ajudou a prender um atirador nos EUA em um restaurante de comida japonesa quando o rapaz proferiu um disparo e o lutador, acompanhado de um amigo, partiram para cima do rapaz. E em maio resgatou um motorista de um caminhão que havia tombado.

No último sábado o lutador confirmou sua invencibilidade nos meio-médios (até 77kg) após derrotar Tim Means. Mesmo sendo um lutador exemplar a organização, em coletiva o lutador sugeriu um duelo contra Sean Brady. “Eu não me importo. Sean Brady chegou a me desafiar, então, se quiserem, posso enfrentá-lo. Faço o que o UFC  me pedir. Se quiserem que eu lute contra uma baleia, um porco, uma galinha, farei”, afirmou Kevin.

Quer saber tudo que rola no mundo dos esportes e receber as notícias direto no seu celular? Entre no canal do Metrópoles no Telegram e não deixe de nos seguir também no Instagram!

O post Lutador do UFC persegue ladrão e interrompe assalto apareceu primeiro em Metrópoles.