Em julgamento, Giggs é acusado de tornar ex “escrava” de suas vontades

0

No terceiro dia do julgamento de Ryan Giggs, ex-Manchester United, por agressão, a ex-namorada do jogador afirmou que ele a tornou uma “escrava” de suas necessidades e que ele era “frequentemente agressivo”.

Segundo Kate Greville, Giggs exercia controle sobre sua vida social e o fim do relacionamento de seis anos entre eles foi “extremamente difícil e complicado”.

Em depoimento para o júri, Greville afirmou que o ex-treinador da seleção do País de Gales a obrigava a fazer o que ele mandava, ou haveria consequências.

Ryan Giggs, 48 anos, é acusado de agressão contra Greville e sua irmã mais nova, Emma. Os episódios violentos teriam acontecido entre agosto de 2017 e novembro de 2020.

Além das agressões físicas, Greville relata que Giggs a isolava de certas pessoas e interferia com a sua capacidade de interagir com sua família.

O post Em julgamento, Giggs é acusado de tornar ex “escrava” de suas vontades apareceu primeiro em Metrópoles.