Gari mais jovem do DF sonha em ser psicóloga: “Cuidar da mente humana”

0

Inspiração, exemplo de garra, força de vontade e dedicação. Aos 18 anos, a jovem Izabelle Souza da Silva é a gari mais nova do Distrito Federal. Ela divide a rotina entre o trabalho de varrição e recolhimento de lixo nas vias públicas de Ceilândia, com as aulas na faculdade de psicologia no período noturno. “Sempre tive interesse em cuidar da mente humana”, garante a jovem.

A trajetória de Izabelle até a tão sonhada conquista para tornar-se psicóloga começou em fevereiro deste ano. Com o currículo em mãos, ela foi pessoalmente até a empresa Sustentare Saneamento para buscar uma oportunidade de emprego.

Natural de Santa Inês, município do Maranhão, a gari chegou na capital da República ainda criança, aos 9. Filha da autônoma Mércia Paula da Silva, 35, Izabelle reside com a mãe e o irmão, de 11 anos, no PSul.

“Viemos em busca de uma vida melhor. No Nordeste, não teríamos muitas oportunidades. Hoje, agradeço a Deus por tudo o que já conquistamos aqui”, comenta.

Veja imagens da gari em horário de serviço:


Publicidade do parceiro Metrópoles


0

Atualmente, a jovem ajuda a mãe a pagar as despesas de casa trabalhando das 6h às 15h, como gari, diariamente. Nas horas vagas, faz curso de idioma japonês em um dos Centros Interescolares de Línguas do DF (CIL) e estuda inglês por conta própria. Também se matriculou em um curso de tecnologia da informação e análise de sistemas, além de cursar psicologia em uma faculdade particular durante a noite.

Izabelle sempre estudou em escola pública. Concluiu o ensino médio no Centro Educacional 06 de Ceilândia (CED 6) e ingressou na faculdade particular com bolsa integral, por meio do Programa Universidade para Todos (Prouni).

Para atingir o objetivo, a garota conta que está focada nos estudos e grata pela oportunidade de trabalho que conseguiu. “Sempre tive uma ligação com o meio ambiente e antes de pensar em psicologia, eu queria ser bióloga. Gosto de ajudar para o bem-estar da população. Além disso, quero servir de exemplo para todos os jovens que pretendem crescer na vida. O importante é se tornar um bom profissional em tudo o que fizer, porque conhecimento nunca é demais”, pontua.

A superintendente regional da Sustentare Saneamento, Rejane Costa de Oliveira, destacou o desempenho e a determinação da jovem. “Quando fizemos a contratação da Izabelle, ela chegou aqui dizendo que precisava do trabalho porque queria estudar. Ela é um exemplo e nos surpreendeu desde o início”, afirmou a superintendente.

Sobre o sonho de virar psicóloga, Izabelle acredita estar no caminho certo. “Eu gosto de acolher as pessoas. Nos dias de hoje, muitos têm problemas psicológicos. É muita dor, sofrimento e incompreensão. Fico muito feliz de ter escolhido essa área e sonho em ser uma doutora em psicologia. Também pretendo fazer concurso para atuar na Polícia Federal.”

Empoderamento feminino

Em 16 de maio deste ano, Dia do Gari, a jovem foi homenageada pelo governador Ibaneis Rocha (MDB), durante celebração da data e recebeu certificado de destaque na profissão.

Em 23 de julho, a gari também recebeu indicação ao prêmio de educação e habilitação para mulheres: “Viva o Seu Sonho”, da ONG Soroptmist International of the Americas, voltado a mulheres para que possam completar seus estudos, oferecendo os recursos de que precisam para aperfeiçoar a educação, habilidades e perspectivas de emprego.

A premiação no Brasil oferece US$ 5 mil. O prêmio internacional pode chegar a US$ 10 mil.

“Vou concorrer com pessoas do Brasil e também, internacionalmente. Para mim é uma honra fazer parte desse prêmio. Estou muito feliz com a indicação e pelo reconhecimento da minha história. Se eu ganhar, esse recurso vai ajudar muito na minha vida e formação. Estou confiante”, acredita a jovem.

O post Gari mais jovem do DF sonha em ser psicóloga: “Cuidar da mente humana” apareceu primeiro em Metrópoles.