Influenciadores vão ao TSE para se capacitar no combate às fake news

0

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) recebeu, nesta quinta-feira (4/8), a visita de 30 influenciadores digitais de diferentes nichos sociais para capacitação sobre a divulgação de informações falsas. O projeto do Programa Permanente de Enfrentamento à Desinformação do Tribunal expôs aos convidados como funciona a urna eletrônica e tirou dúvidas sobre o sistema eleitoral brasileiro.

Os influenciadores tiveram treinamento sobre o combate as fake news durante as eleições de 2022, por meio de palestras e visitas às instalações do tribunal em parceria com a Redes Cordiais.

A cofundadora do Rede Cordiais Clara Becker destaca que a visita foi muito importante para o combate de informações falsas durante o período eleitoral. A visita contou com diversos influenciadores que têm público alvo totalmente diferente, de adolescentes a adultos.

“A gente já sabe que vai circular muita fake news sobre as eleições. Estamos tentando nos antecipar sobre diversos boatos que vão circular e para prevenir que ele se espalhe rapidamente”, destaca Becker.


0

Os influenciadores que participaram do evento atingem cerca de 10 milhões nas redes sociais.

A iniciativa é uma das seis contempladas no programa Jogo Limpo, do Centro Internacional para Jornalistas (CFJ), com o apoio do YouTube Brasil. Os projetos selecionados receberam fundos e mentoria para o desenvolvimento de ações para enfrentar a desinformação antes das eleições.

Os influenciadores tiveram a oportunidade de fazer um unboxing da urna eletrônica, para entender, de forma detalhada, o seu funcionamento. Além disso, os participantes tiveram a oportunidade de visitar a Seção de Totalização e Divulgação dos Resultados, que ficou conhecida de maneira equivocada como “sala secreta” ou “sala escura”.

Programa Permanente de Enfrentamento à Desinformação

O programa é uma iniciativa do TSE criada em agosto de 2021. Ele tem como objetivo reduzir os efeitos da disseminação de desinformação relacionadas ao sistema eleitoral brasileiro e sobre as urnas eletrônicas.

As ações do programa são divididas em três eixos: informar, direcionado à disseminação de informação oficial, confiável e de qualidade; capacitar, destinado à alfabetização midiática e à capacitação de toda a sociedade para compreender o fenômeno da desinformação e o funcionamento do processo eleitoral; e responder, relacionado à identificação de casos de desinformação e à adoção de estratégias, tanto preventivas como repressivas, para a contenção de seus efeitos negativos.

Confira os endereços virtuais dos influenciadores que participaram da visita: Agda Carvalho (@negra_e_estilosa), Ailton Junior (@seriededicas), Alexandre Borges (@alex_borges), Amanda Costa (@souamandacosta), Ana Girassol (@anagirassol_), Babi Cady (@babicady), Babi Marca @babiemversos, Cazé (@cazepecini), Cedê Silva (@TheBrazilianReport), Cristian Wari’u (@cristianwariu) Edgard Abbehusen (@edgardabbehusen), Eduardo Prado (@ed.prado), Januária Alves (@janu_alves), Jackson Augusto (@afrocrente), João Pedro (@jpmota), Jonas Di Andrade (@vozdascomunidades), Maju Sanchez (@majucca), Maria Carolina (@jornaljoca), Marlos Apyus (@apyus), Mellanie Fontes-Dutra (@mellziland), Nathalia Luna (@nathalia.luna), Nathaly Dias (@blogueiradebaixarenda), Pastor Pedrão (@pastorpedrao), Preta Kiran (@pretakiran), Rennan Leta (@rennanleta), Ricardo Rigel (@treta.show), Stefan Costa (@transboylife_), Sulivã Bispo (@sulivabispo), Thais Rodrigues (@almapretajornalismo) e William Reis (@williamreis85).

Presidente, governador e senador: veja quem são os pré-candidatos nas Eleições 2022

O post Influenciadores vão ao TSE para se capacitar no combate às fake news apareceu primeiro em Metrópoles.