Ministério Público sobre promoção na PMDF: “Se insistir, haverá multa”

0

Em uma recomendação conjunta inédita, a Procuradoria Regional Eleitoral no Distrito Federal e a Promotoria de Justiça Militar expediram documento alertando o Governo do DF e o Comando-geral da Polícia Militar (PMDF) sobre vedação à redução de interstícios para promoções nas carreiras militares durante o período das eleições de 2022.

Integrantes do Ministério Público participaram de uma reunião, nesta quinta-feira (4/8), no auditório do Colégio Tiradentes, gerido pela PMDF, com todos os comandantes de unidades da corporação. O recado foi claro: parlamentares ligados à PMDF e gestores militares devem se abster de propor ou editar ato efetivando a redução de interstício para as promoções de oficiais e praças.

A coluna apurou com representantes do MP que, caso a recomendação não seja seguida, haverá punição aos responsáveis: “Se insisti, há um risco de multa”, disse um promotor ouvido pela reportagem.

A decisão ocorreu após candidatos utilizarem a suposta redução para tentar angariar votos e capitalizar as promoções como se fossem uma vitória pessoal. A organização de eventos pelas redes sociais, como feijoadas, para reforçar a mobilização pelas promoções, foram rechaçadas pelo MP. “Considerando a publicação em redes sociais de proposta formulada por parlamentar distrital candidato à reeleição no sentido de que o comando promova a redução do interstício para a promoção de oficiais e praças”, aponta trecho da recomendação.

Leia a recomendação do Ministério Público:

Associação reforça

A associação Caserna, que representa parte dos praças da PMDF, tem criticado eventos e a utilização da redução de interstício como plataforma política. A entidade reforça que políticos ligados à corporação transformam as promoções em moeda de troca.

Segundo representantes da Caserna, houve muito tempo hábil antes do período político para que a redução ocorresse. “Essas atitudes destroem a única opção que era viável para este ano. Tememos, por causa disso, que haja graves reflexos à sociedade, pois o descontentamento é total, sentimento único no coração de oficiais e praças”, apontou a associação, em nota.

O post Ministério Público sobre promoção na PMDF: “Se insistir, haverá multa” apareceu primeiro em Metrópoles.