Quem era o dentista que foi morto e teve o dedo amputado em SC

0

Rafael Caranhato foi morto as 24 anos, roubado e teve o dedo indicador amputado para saque de dinheiro em Fraiburgo, no meio-oeste de Santa Catarina. Ele foi encontrado no próprio apartamento, na manhã de sexta-feira (16/9). O suspeito do crime também foi localizado, em Ibirama, Vale do Itajaí, onde foi preso.

Nas redes sociais, Caranhato se mostrava um jovem com muitos amigos e que gostava de exibir a voz e as habilidades no violão. No Instagram, publicava vídeos de músicas, muitas delas requisitadas pelos seguidores. Uma de suas publicações chegou alcançar 17 mil visualizações. Pelos conhecidos, é lembrado como um “amigo que era super querido com todo mundo”, como descrito por Ana Luisa Fernandes.

Saiba mais no portal NSC Total, parceiro do Metrópoles.

O post Quem era o dentista que foi morto e teve o dedo amputado em SC apareceu primeiro em Metrópoles.