Após terrorismo, deputado quer volta da Secretaria da Ordem Pública

0

A extinta Secretaria da Ordem Pública e Social do Distrito Federal (Seops-DF) pode voltar a ativa se depender do líder do GDF na Câmara Legislativa (CLDF), o deputado Robério Negreiros (PSD). Nessa quarta-feira (11/1), ele enviou ofício à Casa Civil sugerindo a recriação da pasta, que durou por cinco anos, entre 2009 e 2014.

Conforme determinava o decreto à época, a pasta funcionava para assegurar o “cumprimento da ordem pública e social”, além de ter funções da Controladoria-Geral da capital.

Durante o tempo que funcionou, a secretaria atuou como coordenadora da Subsecretaria de Defesa do Solo e da Água (Sudesa) e a Agência de Fiscalização (Agefis, que hoje é o DF Legal). Entre os trabalhos desenvolvidos pela Seops foi o combate às invasões de terras públicas, construções irregulares e sem alvará, poluição visual, entre outros.

Para Robério, no entanto, o mais importante é que a pasta tinha preocupação com a preservação do patrimônio público. A ideia do distrital, inclusive, é de que a secretaria tenha uma atuação mais abrangente do que o DF Legal, deixando que a Secretaria Segurança Pública (SSP-DF) se preocupe apenas com as operações do ponto de vista policial.

Atualmente, a estrutura da antiga pasta funciona como uma subsecretaria dentro da SSP-DF.

Veja o ofício

SEI_00001_00002072_2023_68 by Metropoles on Scribd

The post Após terrorismo, deputado quer volta da Secretaria da Ordem Pública first appeared on Metrópoles.