Lula homenageia Piauí ao assinar termo de posse no Congresso

0

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tomou posse, neste domingo (1º/1), junto do vice-presidente Geraldo Alckmin, no Congresso Nacional.

A sessão marca a primeira etapa do rito oficial à Presidência. Em cerimônia, Lula fez uma dedicação ao estado do Piauí. No Congresso, o presidente assinou o termo de posse com uma caneta dada por um apoiador piauiense.

“Eu estou vendo aqui o ex-governador do Piauí, companheiro Wellington [Dias]. Eu queria contar uma história. Em 1989, eu estava fazendo comício no Piauí. Foi um grande comício, depois, nós fomos caminhar até a igreja São Benedito. E, ao terminar, o comício, um cidadão me deu essa caneta e disse que era para eu assinar a posse se eu ganhasse as eleições de 89. Eu não ganhei 89, não ganhei 94. Em 2002, eu ganhei as eleições e eu tinha esquecido a minha caneta e assinei com a caneta do cidadão Ramez Tebet. Em 2006, eu assinei com a caneta do Senado. Agora, eu encontrei a caneta. E essa caneta é uma homenagem ao povo do Piauí”, disse Lula ao assinar o documento.

Wellington, citado por Lula, é Wellington Dias, ex-governador do estado. Senador eleito, Dias assumirá a pasta de Desenvolvimento Social no governo do petista.

No Congresso, Lula e Alckmin foram empossados oficialmente em uma sessão solene presidida pelo presidente do Congresso Rodrigo Pacheco.

A cerimônia conta com a presença de pelo menos 17 chefes de Estado, além de representantes de 120 países. Para dar conta da demanda, o Governo do Distrito Federal disponibilizou 100% das forças de segurança para atuar no dia do evento. Os famíliares de Lula também participam da solenidade no plenário na Câmara dos Deputados.

The post Lula homenageia Piauí ao assinar termo de posse no Congresso first appeared on Metrópoles.