Veja autoridades que não confirmaram presença na posse de Lula

0

Com previsão de início para as 15h deste domingo (1º/1), na Praça dos Três Poderes, a posse do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) reunirá milhares de pessoas na capital federal. Algumas autoridades políticas, no entanto, não confirmaram presença.

Entre os ex-presidentes da República, deve comparecer à solenidade apenas Dilma Rousseff (PT). Apesar de terem apoiado o petista no segundo turno, os ex-presidentes José Sarney (MDB) e Fernando Henrique Cardoso (PSDB) não vão à posse, em razão da idade e estado de saúde.

Aliado direto do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), o ex-presidente Fernando Collor (PTB) também não deve ir à cerimônia, assim como Michel Temer (MDB), que viajou ao interior de São Paulo para passar o Réveillon com a família.

De embaixadores a presidentes, cerca de 120 nações estarão representadas na posse de Lula. Pelo menos 17 chefes de Estado confirmaram presença até a última semana de dezembro.

Veja autoridades confirmadas:

  • Frank-Walter Steinmeier (Alemanha)
  • João Lourenço (Angola)
  • Alberto Fernández (Argentina)
  • Luis Arce (Bolívia)
  • José Maria Neves (Cabo Verde)
  • Gabriel Boric (Chile)
  • Gustavo Petro (Colômbia)
  • Guillermo Lasso (Equador)
  • Filipe VI de Espanha (rei da Espanha)
  • Irfaan Ali (Guiana)
  • Umaro Sissoco Embaló (Guiné-Bissau)
  • Mario Abdo Benítez (Paraguai)
  • Marcelo Rebelo de Sousa (Portugal)
  • Chan Santokhi (Suriname)
  • José Ramos-Horta (Timor Leste)
  • Luis Alberto Lacalle Pou (Uruguai)
  • Emmerson Mnangagwa (Zimbábue)

Proibido de vir ao Brasil desde que o ex-presidente Jair Bolsonaro tomou posse, o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, também havia confirmado presença no evento, mas em virtude de problemas relacionados ao abastecimento da aeronave que o conduziria à capital federal, o líder venezuelano cancelou. Dessa forma, o presidente da Assembleia Nacional do país, Jorge Rodrigues, representará Maduro na posse.

Governadores

Entres os governadores eleitos das 27 unidades da Federação, pelo menos 13 não confirmaram presença.

Oposição ao presidente Lula, o governador reeleito de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), declarou com antecedência que não participaria da cerimônia. Zema alegou conflito de agendas, pois sua recondução ao cargo começou às 9h, na Assembleia Legislativa de MG.

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado (União), não vai ao evento porque conclui tratamento após cirurgia cardíaca, em São Paulo. A posse de Caiado será virtual. A primeira mulher a ser eleita governadora de Pernambuco, Raquel Lyra (PSDB), ficará em Pernambuco para sua cerimônia de posse, que foi marcada para as 15h.

O governador reeleito do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB) afirmou que não comparecerá à posse por incompatibilidade de agendas.

Veja outros governadores que não confirmaram presença na cerimônia de posse de Lula:

Acre
Governador Gladson Cameli (Progressista)

Alagoas
Paulo Dantas (MDB)

Amazonas
Wilson Lima (União)

Espírito Santo
Renato Casagrande (PSB)

Roraima
Antônio Denarium (PP)

São Paulo
Tarcísio de Freitas (Republicanos),

Sergipe
Fábio Mitidieri (PSD)

Mato Grosso do Sul
Eduardo Riedel (PSDB)

Mato Grosso
Mauro Mendes (União), governador do Mato Grosso.

Pelo menos nove chefes dos Executivos locais confirmaram ida ao evento. Outros cinco não se pronunciaram sobre o assunto.

The post Veja autoridades que não confirmaram presença na posse de Lula first appeared on Metrópoles.